De que forma o sistema de denúncia da WhistleB suporta a conformidade com a Diretiva da UE Relativa à Proteção dos Denunciantes?

Abril 6, 2021

O sistema da WhistleB suporta a conformidade com os requisitos da Diretiva da UE Relativa à Proteção dos Denunciantes (“a Diretiva”), ajudando as organizações a reduzirem o risco de conformidade. Este sistema assegura confidencialidade, segurança, feedback rápido, gestão diligente dos casos, privacidade desde a conceção e privacidade por padrão, e muito mais.

Além disso, a equipa da WhistleB monitoriza a legislação nacional para suportar a conformidade com a Diretiva e a sua transposição para os sistemas jurídicos nacionais, já que estes evoluem ao longo do tempo.

Cabe às organizações terem em consideração os seguintes requisitos mínimos da Diretiva. E a WhistleB está cá para o ajudar a cumpri-los:

1. Obrigações da Diretiva: deverá ser implementado um canal destinado a receber os relatórios dos denunciantes. Este canal deverá ser concebido, configurado e operado de forma segura, garantindo a confidencialidade da identidade do denunciante e de qualquer entidade terceira mencionada no relatório, e impedindo o acesso de membros do pessoal não autorizados. Tais canais devem permitir o reporte por escrito e/ou verbal, por telefone ou outros sistemas de mensagens de voz, e mediante o pedido do denunciante. 

O sistema de denúncia da WhistleB garante que o denunciante e a informação de qualquer entidade terceira permanecem confidenciais durante todo o processo. O anonimato do denunciante é garantido graças à funcionalidade técnica do sistema, quer durante a fase de reporte, quer durante o seguimento. Todas as comunicações são encriptadas ponto a ponto no armazenamento e em trânsito. A autenticação de dois fatores garante o acesso seguro à ferramenta de gestão de casos, para que apenas as pessoas autorizadas tenham acesso aos relatórios.

2. Obrigações da Diretiva: deverá acusar-se receção do relatório ao denunciante num período de tempo não superior a sete dias. 

O sistema da WhistleB permite o fornecimento de feedback ao denunciante num período de sete dias. Além disso, envia uma notificação à pessoa responsável quando são recebidos novos relatórios.

3. Obrigações da Diretiva: deverá ser designada uma pessoa ou um departamento imparcial com vista a fazer o seguimento dos relatórios, manter a comunicação, pedir mais informações e fornecer feedback ao denunciante.

A ferramenta de gestão de casos da WhistleB foi concebida para assegurar que os utilizadores gerem os casos em conformidade com a Diretiva, desde o fornecimento do serviço até à receção, investigação, encerramento, arquivamento e eliminação de um caso. 

4. Obrigações da Diretiva: devem ser mantidos os registos de cada relatório recebido, em conformidade com os requisitos de confidencialidade.

O sistema da WhistleB inclui registos de atividade e de utilizador, para um registo seguro de todas as fases da gestão dos casos.

5. Obrigações da Diretiva: deverá haver um seguimento diligente do relatório por parte da pessoa ou departamento designado, cobrindo também o relatório anónimo, sempre que esteja previsto nos termos da legislação nacional. 

A ferramenta de gestão de casos do sistema da WhistleB fornece ferramentas de seguimento seguras para dar suporte a estes requisitos. Permite que os casos sejam atribuídos a diferentes equipas para fins de processamento, e as conversas podem decorrer de forma segura entre membros da equipa no sistema. Também é possível adicionar à equipa, de forma segura e caso a caso, especialistas externos, como por exemplo investigadores ou profissionais da área do direito. Além disso, o centro de recursos da WhistleB fornece informações relevantes sobre requisitos legais nacionais no que se refere ao seguimento. 

6. Obrigações da Diretiva: deverá ser aplicado um período de tempo razoável para fornecer feedback ao denunciante sobre o seguimento do relatório, dentro de três meses após se acusar receção. 

O sistema da WhistleB permite o fornecimento de feedback ao denunciante sobre o processo de investigação num período de três meses. Este procedimento inclui denunciantes anónimos. 

7. Obrigações da Diretiva: todo o processamento dos dados pessoais deve estar em conformidade com o RGPD.

O sistema da WhistleB permite aos utilizadores estarem em conformidade com os requisitos do RGPD em matéria de tratamento de dados pessoais, bem como de proteção por padrão e proteção desde a conceção. O sistema está fortemente encriptado, e todos os dados são armazenados em servidores seguros localizados na UE. O acesso aos dados apenas é possível por pessoas designadas pelo cliente.

Se quiser saber mais sobre como o sistema da WhistleB suporta a conformidade com a Diretiva da UE Relativa à Proteção dos Denunciantes, reserve uma demonstração gratuita nesta ligação. Como alternativa, entre em contacto connosco.

Contate-Nos

Sua mensagem foi enviada com sucesso. Entraremos em contato com você o mais breve possível.

There seems to be some problem when sending your message. Try again soon.

Founders blog

Top tips whistleblowing Julho 7, 2020 Launch of the WhistleB whistleblowing handbook for business leaders and boards
Ver tudo ›

WhistleB news

Abril 13, 2021 Mais perguntas sobre a Diretiva Europeia Relativa à Proteção dos Denunciantes
Ver tudo ›

Webinars

Abril 20, 2021 Melhores práticas de denúncia
Ver tudo ›

Media

Mais perguntas sobre a Diretiva Europeia Relativa à Proteção dos Denunciantes De que forma o sistema de denúncia da WhistleB suporta a conformidade com a Diretiva da UE Relativa à Proteção dos Denunciantes? Norma ISO 37002 sobre sistemas de gestão de denúncias – Da perspetiva da ética